Trend Foods quer se concentrar em dark kitchens em 2021
Food Service

Trend Foods quer se concentrar em dark kitchens em 2021

Previsão para 2021 é abrir apenas seis unidades físicas da marca de culinária chinesa e 40 dark kitchens do Gendai e Gokei

26 de janeiro de 2021

arroba publicidade
O grupo TrendFoods, dono da China in Box e também da rede Gendai, resolveu se aventurar por um novo mercado em 2020: a expansão de restaurantes virtuais, com novas culinárias, para aumentar o faturamento das unidades franqueadas.
 
Antes da pandemia, 80% da receita do China in Box já vinha de pedidos para entrega, informa o Pequenas Empresas, Grandes Negócios. No ano passado, a rede de franquias ainda conseguiu um crescimento de 30% nessa frente – que se mantém até hoje.
 
O movimento ajudou a suprir as perdas das vendas no salão, que correspondiam a 20% antes da quarentena. Já o Gendai, com presença maior em shopping centers, tinha apenas 15% da receita originada no delivery. Com os estabelecimentos fechados para o público, a estratégia para aumentar o faturamento foi turbinar a produção na cozinha do China in Box, mas com novas marcas.
 
Em entrevista a PEGN, Carlos Sadaki Kaidei, que assumiu a presidência do grupo em maio do ano passado, conta que o modelo de dark kitchen já vinha sendo pensado pela empresa desde meados de 2018 e começou a ganhar alguns contornos em 2019, mas precisou ser acelerado em 2020.
 
Dessa forma, os franqueados e lojas próprias passaram a produzir novos pratos sob as bandeiras Gokei e Owan, também de culinária asiática, e do Gendai, que ganhou uma versão virtual, apenas para aplicativos de delivery.
 
Além disso, o grupo fez um acordo com a marca Frooty, de açaís, para produção e venda direta das cozinhas do China in Box. Há, ainda, testes sendo feitos com comida italiana, sob as marcas Farine e Mammazita, e havaiana, com Hoa Poke.
 
Hoje, o China in Box tem 144 lojas e o Gendai, 51. A previsão para 2021 é abrir apenas seis unidades físicas da marca de culinária chinesa e 40 dark kitchens do Gendai e Gokei.
 
Sadaki espera um crescimento no faturamento de 5% para China in Box, 10% para Gendai e de 50% para as marcas de dark kitchen.

Carlos Sadaki Kaidei, China in Box, dark kitchen, delivery, Gendai

 
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3