Grupo Nueva Pescanova aprova capitalização de dívida milionária
Indústria

Grupo Nueva Pescanova aprova capitalização de dívida milionária

Empresa considera este o ponto de partida para superar a má situação financeira

26 de fevereiro de 2021

arroba publicidade
O Grupo Nueva Pescanova aprovou na manhã da terça-feira (23/02), em Assembleia Geral Extraordinária, uma capitalização da dívida de 542,2 milhões de euros junto ao banco Abanca. Na prática, o banco passa a controlar totalmente a empresa ao deter 97%.
 
Em comunicado oficial, a empresa considera este o ponto de partida para superar a má situação financeira que Nueva Pescanova SL tem tido desde a sua constituição em 2015, sobrecarregada por uma dívida de insolvência herdada da antiga Pescanova que, apesar de ter sido reduzida, ainda ascendia a mais de 600 milhões de euros.
 
Como principal credor que participou na capitalização voluntária da dívida, Abanca considera que o movimento torna possível a sustentabilidade de Nueva Pescanova a médio e longo prazo.
 
O presidente do Abanca, José María Benavent, afirmou que com isso o “Grupo Nueva Pescanova renasce. A empresa está saneada, com capital próprio sólido e com a capacidade de desenvolver o seu negócio sem o peso da dívida anterior. Agora podemos concentrar-nos na execução do Plano de Negócios até 2024 para criar valor e crescimento de uma forma sustentável".
 
No Brasil, a empresa está reorganizando a operação para comercializar produtos com a marca Pescanova Brasil e, recentemente,
lançou uma linha de produtos processados nas gôndolas brasileiras.
 
Imagem: Wikipedia

Abanca, Indústria, pescado, Pescanova

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3