Maratona Inove Aqua começa nesta segunda-feira (23)
Aquicultura

Maratona Inove Aqua começa nesta segunda-feira (23)

Objetivo do evento é propiciar ambiência favorável para transferir conhecimento

23 de agosto de 2021

Com a proposta de ser um dos maiores eventos de conhecimento e integração da aquicultura do País, a Maratona Inove Aqua terá sua ativação  ativação nesta segunda-feira (23). O evento é uma iniciativa é da Embrapa Pesca e Aquicultura, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).
 
Na edição, os times formados são desafiados a encontrar soluções viáveis para a cadeia produtiva da piscicultura brasileira. O objetivo do Inove Aqua é propiciar ambiência favorável para transferir conhecimento a universitários, sociedade e profissionais das áreas contempladas dos diversos segmentos da cadeia aquícola.
 
Os interessados podem se inscrever até o dia próximo dia 15 de outubro no site www.inoveaqua.com.br, onde também podem encontrar todas as informações do evento.
 
A pesquisadora Helen Kato, uma das organizadoras do Inove Aqua, explica como será a live. “A live no YouTube da Embrapa tem o objetivo de apresentar a aquicultura como foco de inovação para universitários e profissionais já no mercado, seja de aquicultura, veterinária, zootecnia, engenharia aquícola e de outras áreas, como engenharia da computação, engenharia de produção, engenharia mecânica, administração, saúde, etc para que essas pessoas conheçam e pensem soluções para os grandes desafios da cadeia”, explica ela. 
 
A ideia é que estudantes e profissionais, apoiados por mentorias, proponham soluções para a cadeia aquícola no sentido de aumentar a competitividade, a sustentabilidade e promover a inovação. “Serão dois meses uma junção de profissionais do mercado, da academia e da pesquisa científica para gerar soluções inovadoras e mostrar que a aquicultura é um setor promissor não só para os produtores, mas também  para os que dão suporte ao segmento, detalha Hellen.
 
De acordo com a diretora técnica do Sebrae, Eliana Castro, a Maratona vai contribuir com o surgimento de novas ideias no setor aquícola do estado. “É uma oportunidade para alunos de cursos ligados à área ou para algum profissional que tenha uma boa ideia para o setor. Serão várias etapas para estimular que essas soluções sejam colocadas em prática, visando resultados para os produtores deste segmento. O evento também aproxima a academia com o mercado”, ressaltou.
 
O Inove Aqua conta com o apoio da Secretaria de Aquicultura e Pesca-SAP/Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).
 
 
A competição
 
A Maratona Inove Aqua prevê duas etapas: a primeira é o “Nivelamento Técnico e Repasse de Conhecimento” e a segunda, a “Competição”, ambas no ambiente virtual. Os times devem ser formados por estudantes e profissionais de múltiplas áreas, sendo altamente desejável que seus conhecimentos sejam complementares e que contemplem áreas vinculadas à aquicultura, programação de computadores, engenharias, robótica, inteligência artificial, negócios e afins. 
 
As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas por times, de três a oito competidores, ou individuais. Quem optar por se inscrever sozinho encontrará seu time nas dinâmicas pré-Maratona. Na medida em que os cadastros forem homologados, os inscritos serão vinculados à plataforma do evento e terão acesso ao "Nivelamento Técnico e Repasse de Conhecimentos".
 
“Na medida em que as inscrições forem homologadas e os competidores autenticados, os times terão acesso a uma trilha de atividades, construída dentro da plataforma Discord”, explica Hellen, que continua: “As atividades serão destinadas ao recebimento de informações e nivelamento técnico de conhecimentos vinculados à cadeia aquícola por parte dos times”.
 
Dentre as atividades previstas estão: palestras, ebooks, cursos, visitas técnicas virtuais, entrevistas, mentorias, talk´s e muito mais. Pelo menos um integrante do time deve participar das atividades propostas. Caso contrário, o time será eliminado e não terá acesso à segunda etapa.
 
É nessa etapa que serão apresentados aspectos vinculados às demandas da cadeia aquícola, especialmente no sentido de nivelar conhecimentos e necessidades no tocante a demanda por soluções, tais como: retirada mecânica da espinha Y do tambaqui;  levantamento da demanda de mercado interno no tocante às espécies brasileiras, alimentação automática, entre outras.
 
Prêmios 
 
Já durante a etapa “Competição”, todos os times receberão um mesmo conjunto de desafios, disponibilizados no site do Inove Aqua ou poderão trabalhar com soluções de demandas da cadeia aquícola identificadas pelos participantes. Cada time deve escolher um desafio e buscar a solução. “Os resultados apresentados serão avaliados por uma banca de jurados composta por especialistas. Soluções oriundas de projetos de pesquisa, extensão ou outros, iniciadas antes da Maratona, poderão ser trabalhadas, implementadas e desenvolvidas durante o evento, desde que tenham total aderência ao escopo da proposta e autorização dos envolvidos”, destaca Hellen Kato.
 
As melhores soluções em tecnologia, usabilidade, qualidade, design e originalidade serão contempladas com prêmios em dinheiro de R$ 5 mil, R$ 2 mil e mil reais, distribuídos ao primeiro, segundo e terceiro lugar, respectivamente.
 
Competições desse tipo já têm sido executadas por ecossistemas de inovação em diversos países para gerarem soluções mais econômicas e a aceleração de startups. Além de produzir tecnologia, os eventos podem gerar oportunidades de trabalho para os participantes.
 
Créditos: Divulgação/Jefferson Christofoletti
 
 
 
 

, aquicultura, Mapa, Maratona Inove Aqua, SAP, Sebrae

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3