Abertura Aquishow Brasil 2019 tem promessa ousada de secretário
Aquicultura

Abertura Aquishow Brasil 2019 tem promessa ousada de secretário

Palestra sobre “A nova SAP e as políticas do governo federal para o setor” de Seif Jr. abre evento

14 de maio de 2019

arroba publicidade

Começou nesta terça-feira (14), a 10ª edição da Aquishow Brasil 2019 - o maior evento de piscicultura de água doce da América Latina. Palestras, torneios, mesa redonda e visitas técnicas completam a programação nos quatro dias de feira, entre 14 e 17 de maio, em Santa Fé do Sul (SP).

O secretário da Aquicultura e Pesca (SAP), Jorge Seif Jr., esteve entre os convidados na cerimônia de abertura que contou com a presença de outros políticos e líderes de entidades do setor.

Seif Jr. deu início a programação da feira com a palestra sobre “A nova SAP e as políticas do governo federal para o setor”. Ele começou seu discurso criticando a secretaria anterior: “Podemos falar que a antiga teve diversos membros de sua administração investigados e até presos. Deu prejuízos para o Brasil com o seguro-defeso e aquicultores com multas ambientais gigantescas porque não conseguem regulamentar seu negócio.”

Sobre os planos da secretaria em seu comando, Seif Jr comentou que na semana passada foi concluído um plano estratégico com oito metas para serem cumpridas até 2022 e que a nova SAP será célere e automatizada. “Queremos sair de 13ª lugar de produção mundial de pescado e ficar entre os cinco primeiros ainda no governo Bolsonaro”, declarou.

O discurso do presidente da Aquishow Brasil e da Associação de Piscicultores em Águas Paulistas e da União (Peixe SP), Emerson Esteves, levantou questões polêmicas. Peço licença aos outros Estados para dizer que nos preocupa muito a ação da Secretaria Estadual sobre o setor. Não sabemos como vai ficar o Instituto de Pesca e a extinção da CATI."

Esteves também falou sobre a questão da mudança no decreto do ICMS que está preocupando muitos produtores. “Vamos chamar o setor para debater, parece que o Estado de SP só quer ser consumidor, não estamos incentivando a produção. São Paulo precisa saber qual é a vocação do Estado”, finalizou.

A secretária executiva de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Gabriela Chiste, disse que estão pensando junto com a Secretária da Fazenda em alternativas sobre o crédito do ICMS e que na próxima quinta-feira (16), haverá uma reunião para tratar do assunto e que não houve extinção e a Cati vai continuar.

Sobre a fusão do Instituto de Pesca com o Instituto de Zootecnia, ela comentou que isso não foi definido e que ainda estão conversando. “É importante que este setor continue tendo a importância que ele precisa ter. Contamos com o setor privado para discutir isso.”

 

Jorge Seif Jr., Aquishow Brasil, Emerson Esteves, Gabriela Chiste, ICMS, SAP

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3